domingo, 15 de março de 2009

Fôlego

A matina ainda era escura, quando tomei as forças dos meus punhos para dedilhar num teclado a minha muita vontade de não parar de alinhar letras, de alinhavar meus próprios acordes.
Como nunca sinto a manhã chegando, vou sempre me embreagando de sono e idéias, permiti que o céu clareasse um pouco para aí sim, eu ir dormir.

Mas antes disto eu quis pulsar diante do branco da tela.

Era minha vez de ser guiada por um fôlego meio cego que me apontava para uma forma bonita de expor o que se vive, o que sai dos meus poros. Estou eu aqui e este escrito que transcorre no sentido de ser apenas o primeiro. Uma espécie de nota de abertura para que eu me sinta a vontade para que me invadam.

7 comentários:

  1. Tens certeza da invasão que desejas? Quanto aos isqueiros, carrego velas nos bolsos. Logo, uma coisa com a outra combina. Portanto, no escuro ninguém fica. Se caso calhar, só abrir a janela que ou tem lua ou tem poste de rua. Assim, tudo fica essas por essas. E desde este seu primeiro arroubo, pequeno mas arroubo, pelas plagas virtuais, noto que tens muito a dizer. Interessante para mim, Holmes sub-tropical, é analisar isso tudo e ainda por cima ver uma pessoa por detrás das letras. Acaso o contrário fosse, a pele não haveria de ser pele e as palavras não haveriam de ser ditas (visto que humanos não seríamos, já que distantes do binômio história/língua que nos faz). Por isso, um beijo, bem vinda seja, e uma bela semana para você, minha cara moça de nome pra lá de musical, como se fosse nome de flor desconhecida que habita qualquer lugar que ainda não conheço. E fica a pergunta: tens certeza que desejas a invasão?

    ResponderExcluir
  2. essa moça daí de cima tem um corpo poroso. ela nào teme as intempéries, as mudanças de estaçào, os visitantes indesejados. ele é cão-de-fogo, escorpiana, prescinde de telhas, portas e janelas porque tem ela ao invés de tudo isso. faz trovoadas se assim precisar para, em seguida, ser lençol e aconchego. eu a estimulei para que abrisse essa passagem. conheço suas linhas de fogo e me deixo ler. bem-vinda moça querida!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. conquistou uma leitora assídua.

    ResponderExcluir
  6. começou bem, começo bem. bjs, não esquece ce circular por outros blogs legais: além do edu, carpe diem, o ser em moviemnto, sem mais delongas, infinitamente...vai lá. bjs

    ResponderExcluir
  7. amei teu comentário no "fetiches", bjs

    ResponderExcluir